Seja bem vindo a reflexão!

Sejam bem vindos a Doce Revolução pela via da consciencia

VEM E VÊ

Pesquisar este blog

Quem sou eu

Minha foto
Curitiba, Paraná, Brazil
Eu adoro o que eu digo! É impressionante como me encanto com o que eu mesmo falo, é impressionante como eu me entendo com o que eu mesmo explico.

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Encontro:



Em qualquer lugar;
Em qualquer hora;
Quem sabe, em qualquer ambiente;

Ouvidos atentos;
Olhares dispostos;
Sorrindo alegremente;

Música envolvente;
Mente consciente;
Diálogo consequente;

A gente se entende;
Se compreende;
Quem sabe, se prende;

Sempre há tempo;
Sempre há hora;
Pra ser agora, o que é permanente.

Graça é de graça

Graça é de graça, e é a coisa mais óbvia do mundo, a mais simples, e é muito difícil de praticar, pois até que se vire um pilar existencial pra tudo em vida, será remar contra o fluxo, subir uma cachoeira de barganhas, trocar merecimentos desmerecidos. Como o ser que se reprogramou, a graça só tem uma forma de olhar: com graça e de\em graça. 
Deus não cabe em nada que se compre, Deus não cabe em nenhum lugar, alias, nós estamos nEle, logo então, residimos nEle, se honestos e começarmos daí, não dá pra não chegar a outra conclusão que não seja a seguinte: TUDO É GRAÇA O TEMPO TODO; pois o espaço que ocupamos é nEle, portanto é graça em si mesma.
Não existe nenhuma relação verdadeira com Deus, que não seja através da/em/na graça. Deus é Graça, ele é, e nós só fazemos parte. Nós somos inquilinos da graça. 
Isso é tão óbvio, e tão arrebatador, que um comprador se apavora, pois não tem mais o controle que emanava das COMPRAS. Pois GRAÇA não aceita nada em troca, ela se doa.