Seja bem vindo a reflexão!

Sejam bem vindos a Doce Revolução pela via da consciencia

VEM E VÊ

Pesquisar este blog

Quem sou eu

Minha foto
Curitiba, Paraná, Brazil
Eu adoro o que eu digo! É impressionante como me encanto com o que eu mesmo falo, é impressionante como eu me entendo com o que eu mesmo explico.

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Relacionamentos

Relacionamentos







Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim. Como tudo na vida.






Detesto quando escuto aquela conversa:


- Ah, terminei o namoro...


- Nossa, estavam juntos há tanto tempo...


- Cinco anos.... que pena... acabou...


- é... não deu certo...






Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.






Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.


Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?


E não temos essa coisa completa.






Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama.


Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.


Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.


Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.


Tudo junto, não vamos encontrar.






Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.


Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia.






E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...


Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.






Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer.






Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não.






Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.


O ser humano não é absoluto.






Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta. Nada de drama.


Que graça tem alguém do seu lado sob pressão?






O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique com alguém por pena. Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós.






Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.






Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?






Gostar dói. Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração... Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo.






E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse... A pior coisa é gente que tem medo de se envolver.






Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.






Na vida e no amor, não temos garantias.


Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear.


E nem todo sexo bom é para descartar... ou se apaixonar... ou se culpar...






Enfim...quem disse que ser adulto é fácil ????






Arnaldo Jabor

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Dias melhores viram

Preciso melhorar meus dias e estou com esperança que dias melhores viram.




Pelo menos já defini o que eu preciso GENTE BOA difícil mais já tem alguns e outros viram ainda que seja milagre , OCUPAÇÃO SALDAVEL já estou deslumbrando algumas para os próximos dias , e MULHER quando for agradável e saudável a longo prazo mesmo que o relacionamento seja curto.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Ser é a Razão de Existir

Em minha caminhada tenho encontrado muitas pessoas perdidas em si mesmas e pior em processos constantes e crescentes de afastamento de seu próprio ser, trazendo em si angustias , mascaras, e vivendo em quase todo tempo uma representação como se fosse um holograma do que a sociedade, família, e influencias psicossocial reflete sobre eles.








Obviamente essa pessoa que encena esse personagem, que aprecia o que não gosta valoriza o que não ama, não consegue sustentar e suportar isso constantemente pelo menos lúcidas, digo lúcida porque sempre estão procurando válvulas de escapes, entorpecimentos narcisistas, materialistas, físicos (normalmente sexo de preferência da forma mais deturpada possível), psicológicos e mais comumente alucinógenos como droga, álcool etc.







Algumas com o tempo e maturidade advinda de sabedoria, informações ou tragédias se admitem angustiadas e insatisfeitas, logo em um país místico como o Brasil e com a publicidade e marketing dos sacerdotes e guias espirituais ( pastores, padres , psicólogos,escritores principalmente os de auto ajuda) definem “preciso de Deus” preciso de paz e vão procurar nos lugares que se dizem ser oficiais da intermediação de Deus ao povo seja La qual deus for. Ai outra fuga do ser acontece mais agora de forma “santa” e quase que incontestável já que desta vez esta como deus disse para ser, dessa só Deus pode libertar mesmo!







O fato é que a gente nasce sendo quem realmente somos logo na infância somos estimulados a construir uma coisa em cima do ser como se fosse superior a ele, essa coisa eu chamo de Self uma construção psicossocial e representativa que faz com que o individuo “seja” o que o mundo (cosmo visão influenciada por varias fatores dependendo da cultura como, por exemplo, o capitalismo) e varias razoes perversa projetam nele para “ser” o que nunca será e muito menos foi criado para ser.



Logo o individuo a pessoa não é gente mais vira um holograma e alguns em estado de depravação extremo se transformam em mutantes quando o que ele não é passa a entrelaçar nele como se fosse é o ator que tem convicção que é o personagem.







O Self jamais poderá ser feliz caminhar em paz com atributos de humanos, nem abençoados “podem” já que Deus abençoa humano, felicidade e paz só se encaixa em humano holograma enxerga amor como fraqueza, carência como defeito, ambição como qualidade, dinheiro como deus e segurança, algo a ser alcançado em detrimento do que se tem, silencio como tormento, alegria como fruto do sucesso e estabilidade como possibilidade fora da alma.







A realidade é que precisamos urgente seguir um conselho de um cara de se dizia Ateu Torna-te quem tu és (Friedrich Nietzsche). Porem o que Nietzsche resumiu foi a mensagem e vida de Jesus em seu ministério e além de falar ele ensina, convida , e é o próprio caminho do encontro do individuo consigo mesmo e assim acontecendo haverá possibilidade de conhecer Deus em todas dimensões impossíveis de forma simples e pratica.



João 14 6 Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.







Talvez existam mais outros caminhos para paz e alegria de Ser quem somos, mas eu só conheço um caminho e nele é possível e simples caminhar sem culpa sem religião, não sem problema, sem crises, porem com todas e sobre todas com o coração pacificado e apto a amar ajudar a curar a feridas de outros com alegria de existir.







João 8-32



Jesus dizia: E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará







De fato pela fé de forma experimental e racianal creio que ele é o caminho fora dele estaremos na extrada errada ainda que aparentemete na direção correta, ele é a verdade fora do que ele disse ,fez e ensino é mentira por mais conviencete e atraente que pareça, e ele é a vida fora dele só resta morte , morte do ser , da alegria do sentido, do amor da paz .







Nele que liberta quem quer de graça para ser quem somos Robson Schultz.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Meu sentido

o sentido da minha vida o que me da animo de viver de se expressar é ter utilidade em amor ao próximo, fora isso o resto é resto , e esse resto que eu digo é o que a maioria considera como essencial.